Fale Conosco
:: Sábado, 23 de Setembro de 2017
A A A







Valid XHTML 1.0 Strict  CSS válido!

Política Industrial

A Coordenação Geral de Engenharia e Tecnologia Espacial - ETE tem forte atuação na implementação de uma Política Industrial para estabelecimento, manutenção e aperfeiçoamento do setor industrial para a área espacial. Dentro dessa diretriz, grande parte dos equipamentos e subsistemas que compõem os principais programas de plataformas e cargas úteis é desenvolvida em parceria com o setor industrial brasileiro.

O desenvolvimento de sistemas espaciais é dividido em várias fases. Para o desenvolvimento desses sistemas a ETE adota as normas internacionais ISO do setor espacial.

As fases correspondentes ao estabelecimento dos requisitos da missão; concepção da plataforma e cargas úteis; engenharia de sistemas; estabelecimento das especificações tanto em nível de sistema, como subsistema e equipamentos e respectivos estudos de viabilidade técnica e econômica; e planos de desenvolvimento; são realizadas pelos engenheiros e técnicos da ETE.

Em seqüência, são contratadas as empresas que se responsabilizam pelo desenvolvimento de diversos subsistemas, com o acompanhamento e orientação dos engenheiros da ETE. As mesmas fases seguidas no desenvolvimento da missão são repetidas no desenvolvimento de cada subsistema.

Além dos equipamentos que compõem os subsistemas, as empresas parceiras contratadas também desenvolvem equipamentos para teste do subsistema, denominados de GSE - "Ground Support Equipment", utilizados na aceitação dos respectivos modelos.


Links Relacionados